Publicado em 19/06/2017

Olá!

É uma felicidade que transborda escrever meu primeiro post do blog!

Como tudo na vida deve ser, no seu tempo certo.

Então eu escolhi aproveitar o dia frio e chuvoso que antecede o início do inverno para falar de um assunto que divide algumas pessoas: ter ou não uma secadora de roupas: eis a questão!

Os pensamentos, conversas e comentários desesperados de toda "dona da casa" (assim eu chamo as mulheres que são multi-tarefas) e das empregadas do lar são:

"As roupas não secam! As toalhas e calças jeans estão com cheiro ruim! Nem estou lavando porque não tem onde estender!"

Se você também está nessa e quer saber sobre os benefícios desse eletrodoméstico, chegou em boa hora !Vou contar sobre a minha experiência e de como ela me ajudou a conhecer e valorizar essa invenção maravilhosa que é a secadora de roupas.

Na nossa cultura, quando pensamos em eletrodomésticos básicos para nossa casa, a secadora de roupas fica fora da lista. Quase que na totalidade estendemos as roupas em varais. Sou super a favor desse processo de estender antes, mesmo porque os materiais dos quais nossas roupas são feitas são muito diferentes dos Estados Unidos, por exemplo. Lá eles tiram a roupa da lavadora e ela vai direto para a secadora, sem o perigo de encolher.

Enfim, na época, eu, assim como muitos recém casados, optei por outros eletros que me pareciam mais úteis. Até uma lava louças eu tinha.

Morávamos em Jaraguá do Sul, na Santa e bela Catarina. Lugar quente, abafado, com pouquíssimos dias de frio. Tranquilo. Com a vinda da nossa princesa, a quantidade de roupas aumentou. Mas até aí tudo bem. Morávamos num apartamento térreo onde as roupas secavam que era uma beleza.

Mudamos e fomos para outro apê (que não me lembro o andar) que era maior mas com um lavanderia pequena onde só cabia uma varal de teto. OK. Daí veio nosso segundo presentinho...que nasceu em junho. O inverno foi úmido e mais frio que os anteriores. Quem tem ou teve bebê sabe que não há roupinhas suficiente nas primeiras semanas: é xixi que vaza (menino então, vou te contar!), leite que volta depois das mamadas...uma loucura! E de repente percebi que ele estava ficando sem roupas, estava tudo molhado! Levamos na lavanderia profissional para secar. Claro que ajudou, mas ainda não tinha resolvido o problema. Os dias chuvosos passaram e esquecemos o quanto aqueles dias tinham sido difíceis.

Bom, mudamos mais uma vez ! Agora na nossa casinha que tinha muito espaço para estender roupas. Tinha varal de todo tipo: teto, chão e parede. O problema parecia estar resolvido.Então chegou o terceiro “presentinho”! Com tanta criança e vários dias sem ver o sol, em que a umidade do ar chegava a 100 por cento, eu me rendi: fui atrás de uma secadora de roupas. Vou confessar aqui: há mais de 11 anos eu não sei o que é reclamar de roupas que não secam!

Então vou responder à pergunta que não quer calar: SIM! Vale o investimento em uma secadora de roupas! E nada melhor que vivenciar a experiência e poder indicar algo com tanta convicção.

Agora vamos falar um pouco sobre alguns detalhes importantes:

A minha dica para o processo de secagem de roupas é seguir um certo ritual: eu NUNCA coloco uma peça de roupa direto da lavadora para a secadora. Estendo tudo em varais, e mesmo que você more em apartamento, use os de teto ou aqueles de chão que podem ser movidos com facilidade. Minha máquina de lavar tem um sistema de pré secagem, que nada mais é que uma centrifugação extra. Ajuda muito! Depois de estendidas no varal elas ficam por lá algumas horas  (caso esteja chovendo). Só então começo a colocá-las na secadora. A minha secadora é a Brastemp de chão, e é esse modelo que recomendo.

Dicas importantes!
  • As peças que mais merecem cuidados são as de fio/lã/algodão, moletons e jeans. Elas encolhem se estiverem muito molhadas ou ficarem demais na máquina. Mais uma vez aqui a importância de deixar no varal por um tempo e utilizar o ciclo delicado da secadora.
  • Coloque uma quantidade de roupas pequena. Selecionar por tipo de tecido também é essencial. Isso evita que a roupa fique amassada. Vale ressaltar aqui que elas devem ser retiradas tão logo a máquina desligue, pois ficarão mais difíceis de passar se forem esquecidas lá dentro.
  • Calças jeans saem prontas para serem guardadas...uma beleza! Por experiência, desvire as peças do avesso antes de secar na secadora.
  • Roupas delicadas pedem ciclo delicado. Utilize essa opção: coloque mais tempo com a temperatura mais baixa.
  • As toalhas saem da secadora tão macias que parecem que foram lavadas profissionalmente.
  • O consumo, quando o uso é consciente, é quase imperceptível na fatura de energia.
  • Evite o uso do amaciante de roupas quando a previsão é de vários dias de chuva seguidos. Coloque 1/2 copo de vinagre no último enxague. Se desejar um cheirinho nas roupas borrife água de passar ou uma mistura de água e amaciante antes de colocá-las na secadora.
  • Coloque as roupas na máquina com carinho. A maneira como colocamos evita amassados desnecessários.

Depois de 11 anos de experiência posso dizer que a secadora ajuda e evita estresses desnecessários. Só tem vantagens quando bem aproveitada.

Beijo com carinho e dedicação,

Fran


Compartilhe nas redes sociais

Contato

45 9 9112-5158
Rua Seringueira, 13
Cascavel - Paraná

EstAMOs no facebook

/francynara.nosorganizamos

Deixe sua mensagem.

EntrAMOs em contato.